12 Propostas para o Rio Grande

voltar a ser grande.

 

1. Mesa de Diálogo – o Governador irá reunir diretamente com os servidores, valorizando o serviço público e a inteligência do Estado para fazer funcionar bem o que já existe. Novo governo com apenas 10 novas estruturas e 3 níveis hierárquicos, onde o cidadão esteja em primeiro lugar.

2. 2ª Revolução Educacional – Escola de Tempo Integral, pedagogia inovadora, uso de tecnologia na sala de aula, formação de professores, educação profissional e recuperação da infraestrutura das escolas estaduais.

3. Fundo para Educação – Todo o lucro das empresas públicas, como o Banrisul, será aplicado nos investimentos necessários para uma educação de qualidade.

4. Regionalização da Saúde – Recuperação dos hospitais e implantação de Policlínicas para oferecer média e alta complexidade em todas as regiões.

5. RS Mais Seguro – Plano Estadual de Segurança liderado pelo Governador, equipando e ampliando o efetivo das Forças de Segurança, uso de tecnologia com câmeras e cerca eletrônica, integração das polícias com as Guardas Municipais , um novo sistema prisional e projetos de educação, cultura e esportes para os jovens.

6. RS Investimentos – Utilização dos terrenos, áreas e prédios públicos, hoje abandonados, para geração de dividendos que serão empregados exclusivamente para investimentos na Segurança.

7. Lei de Incentivo a Infraestrutura – Realização de obras de infraestrutura pelo setor privado a partir do ICMS, realização de concessões e PPPs para resolver os gargalos existentes na logística do Rio Grande.

8. Escritório do Empreendedor – Implantação em todas as regiões para licenciamento célere em 60 dias no máximo, possibilitando a abertura de novas empresas e a geração de empregos. 

9. Lei do Gatilho – Em 2019 a alíquota geral do ICMS cairá de 18% para 17,75% com gatilho de 0,25% e alíquota de combustíveis, energia e comunicações cairá de 30% para 29% com gatilho de 1%. Com o aumento da arrecadação novos gatilhos serão ativados reduzindo as alíquotas do ICMS e diminuindo os impostos.

10. Futuro no Interior – Ações para incentivar o jovem a permanecer no interior, apoiando a geração de novos negócios, o empreendedorismo e ampliando a oferta de internet.

11. Celeiro de Inovação – colocar o Rio Grande no mapa das startups com investimentos em energias limpas, biotecnologia, saúde e economia criativa.

12. Regionalização do Estado – fortalecimento dos COREDEs com a criação dos Escritórios Regionais de Governo e o Governo nas Cidades com a presença do Governador em todas as regiões.